Início Eco SC Prefeitura de Chapecó realiza recuperação de áreas degradadas

Prefeitura de Chapecó realiza recuperação de áreas degradadas

1060
0
COMPARTILHAR

após a ação (5)

Chapecó, 05 – Quinta-Feira – Uma das marcas desta Administração é o conjunto de ações voltadas aos cuidados com o lixo. Destaque para a modernização da coleta dos resíduos orgânicos com o sistema automatizado e instalação dos contêineres – medida que incentivou uma mudança de comportamento nas pessoas para a prática correta de descartar e reaproveitar o lixo, além do reflexo da boa conduta de todos no dia a dia de quem trabalha diretamente com os resíduos: os recicladores.

Outro exemplo é o Plano Municipal de Resíduos Sólidos elaborado em um processo participativo com a comunidade e que agora virou Lei. Do Plano, nasceu o Departamento Municipal de Resíduos Sólidos, da Secretaria de Serviços Urbanos e Infraestrutura, que trabalha focado em novas ações educativas visando a qualidade de vida das pessoas, o bem estar social e ambiental.

Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas

No dia 30 de outubro, uma equipe de 15 pessoas do Departamento de Resíduos Sólidos realizou a primeira ação do projeto denominado ‘Recuperação de Áreas Degradadas’. “Nosso objetivo é proporcionar um novo cenário em terrenos onde a população costuma jogar vários tipos de resíduos de maneira irregular e irresponsável e, ao mesmo tempo, incentivar a conscientização”, afirmou o Secretário de Serviços Urbanos e Infraestrutura, Jayme Bordignon.

A primeira área recuperada foi na rua Recife, no bairro Santo Antônio. O local concentrava resíduos de todo o tipo que eram jogados por moradores: orgânico, reciclável, restos de construção civil e de poda, madeiras e eletroeletrônicos. As imagens mostram o cenário antes e depois da ação. Foram retiradas do local 17 cargas de lixo, que equivalem a 12 toneladas.

Além da limpeza, o projeto compreende a adaptação de placas educativas e o plantio de árvores e flores produzidas diariamente no Horto Municipal. As próximas ações estão programadas para o acesso à comunidade do Rodeio Bonito, e posteriormente, em uma área na rua Afonso Pena, no bairro Bela Vista.

Reciclar é Viver chega para somar

Juntas todas as ações ganham força. O ‘Reciclar é viver’ é um novo projeto do Poder Público Municipal e de várias entidades em conjunto com as Associações de Recicladores que nasceu para fortalecer as iniciativas em andamento. A proposta é trabalhar ações sociais, educativas, de saúde, infraestrutura e gestão financeira em prol de uma melhor qualidade de vida às famílias que vivem da reciclagem.

A Campanha tem o slogan “Espaço humanizado, trabalho realizado”. De início vai atender sete núcleos de catadores, beneficiando 105 famílias de forma direta. O objetivo é revitalizar os espaços onde os profissionais atuam, melhorando as condições de trabalho. Segundo a coordenadora, Neyla Caramori, várias ações estão sendo pensadas por um Comitê Gestor formado por voluntários que definem as ações e organizam o cronograma de execução.

O grupo é integrado por representantes do Poder Público Municipal, clubes de serviço, universidades, entidades, associações civis e empresários da cidade. Nas primeiras reuniões foram elencadas sugestões como: limpeza e plantio de árvores nos espaços externos aos barracões; construção de jardins e de um local adequado para refeições; colocação de lixeiras; além do cercamento, pintura e reforma geral dos barracões.

O projeto terá ainda um olhar diferenciado às crianças e adolescentes. Palestras já foram realizadas com as famílias com foco na saúde bucal, prevenção às drogas e os riscos do uso abusivo das tecnologias. Entre as próximas ações estão: um dia dedicado ao cuidado com a estética, envolvendo corte de cabelo e maquiagem; ações de saúde com a avaliação das carteiras de vacina; orientações jurídicas e a colocação dos brinquedos da rua de lazer.
Créditos: texto Vanessa Hubner / fotos Luciano da Luz / divulgação PMC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here