Início Eco SC Projeto Lixo Orgânico Zero da Udesc Lages com a Prefeitura recebe veículos...

Projeto Lixo Orgânico Zero da Udesc Lages com a Prefeitura recebe veículos para percorrer escolas

201
0
COMPARTILHAR

Bolsistas do Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV), da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), que integram o projeto Lixo Orgânico Zero em Lages, percorrerão as escolas do município para incentivar a reciclagem do lixo orgânico, através do sistema de mini compostagem ecológica.

Para realizar o trabalho, eles contarão com sete bicicletas elétricas, três triciclos elétricos e uma caminhonete pick-up, entregues hoje, durante a solenidade de assinatura do Termo de Cessão dos veículos para a Udesc Lages.

O projeto foi inscrito pela Prefeitura de Lages em um edital do Fundo Nacional do Meio Ambiente (FNMA), do Ministério do Meio Ambiente, e foi contemplado com R$ 985, selecionado em primeiro lugar dentre 300 propostas enviadas por municípios e consórcios intermunicipais de todo o País.

Com o repasse da primeira parcela, foi possível a aquisição dos veículos, um triturador de resíduos de podas, equipamentos de segurança dos bolsistas, materiais de jardinagem, camisetas de identificação e banner. Os recursos são provenientes do Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal (CEF).

Meta é atingir 40 mil famílias

Ao todo, 25 bolsistas da Udesc Lages atuarão junto às escolas, até o final de 2020, para disseminar a reciclagem do lixo orgânico, através do sistema de mini compostagem ecológica.

A previsão é que, ainda neste semestre, mais de cem instituições sejam visitadas. “Desde o início, dizíamos que nossos bolsistas usariam equipamentos elétricos, com energia limpa. É a cara do nosso projeto”, fala o idealizador do Lixo Orgânico Zero, professor Germano Güttler, do Departamento de Agronomia da Udesc Lages.

A expectativa é que alunos e professores disseminem a prática entre os familiares e nas suas comunidades, atingindo 40 mil famílias. “Se uma em cada três famílias adotar o nosso projeto nas suas residências, nós iremos atingir a metade da cidade. As escolas serão um trampolim para toda a comunidade de Lages”, afirma Güttler.

Para o Prefeito Antônio Ceron, o projeto é fundamental para mudar a forma como as pessoas tratam os resíduos orgânicos. “Esse projeto vai ao encontro da nossa responsabilidade de preservar aquilo é o nosso bem maior que é o meio ambiente”.

O início do projeto

O Lixo Orgânico Zero em Lages foi baseado em um projeto de extensão da universidade, iniciado em 2013 pelo professor Germano Güttler, envolvendo, principalmente, escolas da rede pública, residências e instituições, em torno da mini compostagem dos resíduos orgânicos. Algumas escolas chegam a realizar a compostagem de dez mil quilos de resíduos, por ano.

O Diretor-geral da Udesc Lages, Clovis Eliseu Gewehr, lembra do compromisso da universidade com a comunidade, através das atividades de extensão: “A Udesc Lages não esquece da comunidade e está de portas abertas para trabalhar em prol dela”.

Assessoria de Comunicação da Udesc Lages
Jornalista Tatiane Rosa Machado da Silva
E-mail: tatiane.silva@udesc.br
Telefone: (49) 3289-9130

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here